Posicionamento de marca para academias: um pequeno guia para não errar

escrito por Ingridy Sousa
Posicionamento de marca para academias: um pequeno guia para não errar

O Brasil é o segundo maior mercado no setor de academias do mundo chegando em média a 33 mil unidades espalhadas pelo país. Atrelado a isso é inevitável que se tenha uma alta concorrência, e é aqui que mora a dúvida: o que fazer para ter um bom posicionamento de marca para sua academia e se destacar no mercado?
Primeiro de tudo vamos ao começo: o que é posicionamento de marca? Segundo Al Ries e Jack Trout, os pais do posicionamento:

O posicionamento é um sistema organizado para se encontrar uma janela para mente. Baseia-se no conceito de que a comunicação só pode ter lugar no momento certo e na circunstância certa.”

Já segundo Kotler, o posicionamento é

“a ação de projetar o produto e a imagem da empresa para ocupar um lugar diferenciado na mente do público-alvo […] a fim de maximizar a vantagem potencial da empresa.”

É notável, portanto, que o posicionamento de marca está ligado com a mente do público-alvo, ou seja, ocupar um lugar na mente que ainda não foi apropriado por nenhuma outra marca. A chave da questão aqui é ser o primeiro. O primeiro sempre é lembrado. Uma vez ocupada esta posição, torna-se difícil remover este título e, se você não for o primeiro a chegar na mente do seu prospect, você tem um problema de posicionamento.

Escolher o posicionamento de sua academia é um processo, e para isso listamos abaixo as principais dicas que lhe auxiliarão na construção de seu diferencial competitivo para chegar na mente de seu público-alvo:

1- Estudo de mercado

O primeiro passo para a construção do posicionamento de marca para sua academia deve começar pelo estudo do mercado. Conheça a fundo como seu mercado funciona, quem são seus concorrentes e como eles estão atuando neste meio. Se já existir um líder no seu mercado não tente competir com ele pois você perderá tempo e dinheiro. Procure ocupar um lugar do qual ainda não tenha sido explorado por ninguém. E o principal, conheça bem quem é seu público. O que ele faz no dia-a-dia? Onde trabalha? Quais lugares gosta de frequentar? Quais seus medos? Quais seus sonhos? O que consome? O que gosta de fazer em momentos de lazer?

++ Como conhecer seu público-alvo e ter estratégias matadoras

2- Defina seu perfil

Após detalhar minuciosamente seu mercado, defina como será o perfil de sua academia, ou seja, a identidade que será comunicada para seu público, por exemplo: slogan de sua marca, seu logotipo, cores, missão, visão, valores, capacitação de equipe, cultura interna, tipo de linguagem, etc.

3- Investimento

É necessário investimento para conquistar um espaço na mente, para estabelecer uma posição e para mantê-la, portanto, escolha uma posição que esteja dentro de suas capacidades. Vale ressaltar novamente que você não precisa competir, caso já exista, com o líder do segmento ou seu concorrente direto. Busque por inovação, estude possibilidades! Quais seus pontos fortes que podem ser melhor explorados? O que seu concorrente não faz? Qual imagem pode ser fortalecida? Quais parcerias e/ou pessoas influenciadoras podem ser porta-voz da sua filosofia corporativa?

4- Comportamento

De nada adianta definir todo o conceito de sua academia se você não se comportar como tal. Por isso, esteja sempre alinhado com seu posicionamento e transmita isso a todo momento. Seja em anúncios, atendimento, decoração interna, uniformes, redes sociais, etc.

5- Imagem de marca

Imagem de marca é a maneira como seu público te percebe. A percepção dele está de acordo com o posicionamento que você está transmitindo? É importante ficar de olho no seu mercado e ver o que as pessoas estão pensando sobre você. Realize pesquisas para obter as respostas necessárias para saber como está se saindo e o que deve ser feito para potencializar sua presença.

Sua academia tem um posicionamento bem definido? Conta pra gente!

O que achou do artigo? Conta pra gente:

VEJA TAMBÉM