5 exercícios de gestão para vencer a corrida contra a crise!

Mesmo no período de crise, o setor de serviços foi o que mostrou melhor performance, e o segmento de Condicionamento Físico, que onde se enquadram academias e demais negócios fitness, figurou entre os 5 negócios que apresentaram crescimento.
Olhando a fundo para este cenário, o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) identificou que apenas 0,2% das mais de 30 mil academias do país são de médio ou grande porte. O que significa que 99,8% dos estabelecimentos, de um setor que movimenta mais de 2 bilhões de dólares por ano, são micro ou pequenas empresas.
Apesar de o Brasil ser o segundo no ranking mundial em número de academias, ainda ocupa a 8ª posição no que diz respeito à faturamento. Ainda de acordo com o Sebrae, este dado pode apontar para um baixo nível de maturidade na gestão dos empreendimentos.
Veja 5 passos para otimizar a sua gestão e colher melhores resultados em lucratividade, mesmo em tempos de crise:
1- Tenha foco em produtividade: o seu aluno quer ter resultado! Do contrário, irá migrar para o concorrente. Não basta prometer, é preciso se comprometer. Sendo assim, oriente a sua equipe para esta máxima: seu aluno precisa ser acompanhado, instruído e motivado.
2- Produza mais com menos: mesmo que sua academia esteja passando por uma boa fase, é melhor identificar quais são as maiores despesas da sua academia e ver o que pode ser otimizado. A tecnologia pode te ajudar com isso, como cortes no gasto telefônico, menos impressões de documentos, maior controle sobre oportunidades, entre outros.
3- Esteja atento às novas tendências e inovações: quais são as novidades do momento? Descubra e traga para a sua academia. Isso vale tanto para aulões fitness e novas modalidades, mas também pode estar ligado à comunicação com seu cliente, como usar as redes sociais para instruir melhor seu público.
4- Foque em fidelização: é de conhecimento de todos que as academias apresentam grande rotatividade de clientes. A verdade é que a maioria dos gestores foca em conquista de novos alunos, não em manutenção e fidelização. Busque identificar o principal fator de desistência e desenvolva mecanismos para minimizar essa saída. Lembre-se sempre que um cliente satisfeito é a melhor estratégia de negócios.
5- Analise o comportamento do mercado e vá junto: um dos grandes erros dos empreendedores é não analisar as tendências de mercado. Com isso, perde-se oportunidades e o seu negócio acaba ficando para trás. Por exemplo, um público com cada vez mais poder de compra é a 3ª idade, que além disso, contam com prescrição médica para exercícios e tempo disponível. Você já pensou em oferecer soluções para esse nicho?
Fique ligado nas soluções que a Pacto tem para te ajudar a otimizar o seu processo de gestão!
Fonte: Revista Acad Brasil, ed. 74

Comentários

comentários

Receba conteúdos exclusivos